Quarta-feira, 31 de Dezembro de 2008

Luz

Desde ontem que tenho o coração apertado. A nossa visitante pikenatonta está bastante mal. Uma rapariga corajosa que tem lutado neste mundo para sobreviver. Ela precisa urgentemente de um coração novo e saudável. Ontem pediu-nos que rezassemos por ela a pedir urgentemente este coração.

Por isso peço-vos que hoje à meia-noite, no meio dos vossos pedidos para 2009, reservem um pensamento positivo para a minha amiga. Todos juntos vamos mandar-lhe uma corrente de energia positiva com esperança no futuro. Ela merece.

 

Um beijo pikenatonta... estou a pensar e a torcer por ti... força amiga!

sinto-me: Ansiosa com as melhoras dela
publicado por lytha às 17:43
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 30 de Dezembro de 2008

E assim foi o Natal...

O Natal foi calmo. A minha mãe bastante mais bem disposta. Mas carequita. O novo nenuco lá de casa...lol...

Foi mais do que aquilo que esperávamos. Realmente é nesta altura que se veem os verdadeiros amigos. Devido ao trabalho não tivemos tempo de fazer doces... mas quando chegámos à hora de jantar já tinhamos de tudo na mesa. Coisas que os amigos foram levando. Um levou arroz doce, outro serradura, outro bolo rei... e assim ficámos com uma mesa composta.

O mesmo se passou nos presentes. Ela, como esteve no hospital, não tinha noção do que estaria debaixo da árvore então ia-se lamentando às pessoas de que não tinha podido comprar nada para nós e... pasmem-se... as pessoas compraram pequenas lembranças de maneira a que todos nós tivessemos prendas. Não foi por pena... foi por solidariedade e principalmente amizade.

É bom ter amigos assim!

No dia de natal fomos almoçar fora já que cozinhar algo mais complicado em casa complica-lhe com os cheiros. Almoçou bem e estava feliz.

Quanto a mim... bem... o pai natal resolveu dar-me uma prenda extra: uma gripe! E lá passei eu a tarde de natal nas urgências à espera de ser medicada. Eu tinha avisado uma semana antes quando pus os pés nas urgências com a minha  mãe de que com a sorte que tenho apanho logo tudo. Nós borboletas somos um iman!

O meu problema era o facto de não poder andar em casa sem medicação pois podia pegar-lhe. E o outro facto é que o ano passado fui mal medicada o que originou uma crise.

O médico foi super simpático e deu-me vários medicamentos de s.o.s e, principalmente, um antibiótico já com corticóides para evitar uma possível crise.

Passei o resto do fim de semana de cama, com o vaporizador de eucalipto a tentar desentupir as vias respiratórias e tive sempre de usar máscara para não lhe pegar.

Agora já me sinto bem melhor, embora continue a ter o cuidado da máscara, até porque ela hoje foi fazer a 2ª sessão de quimio.

 

Já só volto a escrever no ano novo. Vou ficar em casa o resto da semana para cuidar dela e dar-lhe atenção e volto ao trabalho na segunda. Por isso desejo-vos um bom ano cheio de coisas boas. Que seja o ano das vossas vidas, com muitas concretizações e muito amor.

 

Beijos

publicado por lytha às 15:19
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 23 de Dezembro de 2008

Natal!

A minha prenda de Yule chegou um dia mais cedo. Em vez de ser no domingo, dia do solsticio, foi umas horas antes... ainda no sábado perto da meia-noite: a alta da minha mãe.

A médica considera que ela está receptiva aos medicamentos e que os glóbulos brancos responderam ao desafio. Assim, no sábado à noite deu-lhe alta e ela já pode passar o natal em casa.

Aproveitei o fim de semana para pôr as compras em dia. Comprei prendas para todos e, inclusivé, comprei prendas para eles me darem a mim (coisas que eu queria e que assim tenho a certeza de receber). Fui prática!

Assim quando a minha mãe chegou a casa tinha um belo montinho de embrulhos debaixo da árvore (ela que não comprou nada a ninguém e que vai ser a que mais recebe).

Tem passado bem os dias. Ontem já foi comigo ao hipermercado fazer umas ultimas compras. Apenas usou máscara para precaução, já que nestes sitios há muita bicheza pelo ar...

Come bem (temos feito bastante por isso), dorme bem e está bem disposta. Tem de recuperar as forças para dia 30 fazer nova sessão. Estamos a apostar bastante no natal já que a passagem de ano vai ser mais complicada. Com uma sessão no dia 30 não estará para festejos nos dias seguintes. E como, para mim, a passagem de ano já foi em Outubro não me importo muito.

Hoje está um pouco triste. O cabelo está mesmo a cair aos bocados. Não cai na almofada. Vem mesmo arrastado quando se penteia. Já deve ter tirado mais de metade do cabelo. Anda com um gorro porque andámos a atrasar isto e não lhe comprámos um chapéu em condições. Vou ver hoje disso até porque ela daqui a pouco vai rapar o cabelo para não o ver neste estado ainda mais deprimente.

Hoje quando chegar a casa a minha mãe está carequinha! Mais um obstáculo psicológico a ultrapassar.

 

Eu ando bastante cansada. O sol está mais forte do que aquilo que parece. Ontem a conduzir apanhei muito sol e acabei por ficar com a borboleta na cara e sentir-me mal. O problema é que não durmo em condições. Com ela no hospital dormia a noite toda seguida. Mas em casa acabo por acordar de cada vez que ela se levanta, nem que seja para ir à casa de banho. Estou sempre preocupada a ver se precisa de alguma coisa.

Com isto ando cansada, dorida (tenho tido muito trabalho e um dos afazeres é tirar muitas fotocópias e estar de pé todo o dia, a juntar ao peso, acaba por me fazer doer os ossos da pélvis), e com a sensação de que tenho a cabeça oca (e muitas dores de cabeça).

Fui fazer a mamografia, aconselhada pela médica de família, e está tudo bem. Mesmo os quistos na axila não são de preocupar (eles também aparecem e desaparecem a seu belo prazer).

Tenho mesmo de ir fazer as análises... mas a faltar tantas vezes por causa da minha mãe começa a custar-me ter de pedir para faltar para eu ir ao médico. Eles têm ajudado tanto que fico com vergonha de pedir mais. Também tenho de ir ao oftalmologista. O olho não recuperou totalmente da paralisia e já devia ter feito o controlo por causa do plaquinol (não se esqueçam meninas de fazer exames aos olhos uma vez por ano no caso de tomarem este medicamento que pode afectar a visão).

 

Mas pronto... o natal está à porta. Parece que tenho coisas que duram um dia a fazer mas só tenho poucas horas para o conseguir. Trabalho dia 23 e 24 todo o dia (dia 24 até parece que vou fazer horas extras) e dia 26 já estou de volta à secretária. Vida de trabalhador não é fácil! E eu que preciso tanto de dormir!

 

Desejo-vos um bom natal, que o pai natal seja muito generoso e que cada estrela que brilha seja uma luz mágica no vosso coração.

 

Feliz Natal!!!

 

publicado por lytha às 14:14
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Férias

. Olá

. Snow

. Resultados....

. Na mesma.... como a lesma...

. A incerteza....

. Borboleta

. Novo Ano

. Feliz Natal/Yule

. Vacina da Gripe A

.arquivos

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.links

.Twitter

blogs SAPO

.subscrever feeds