Segunda-feira, 15 de Dezembro de 2008

A chuva...

Chove sem parar aqui por estas bandas o que não ajuda na recuperação de uma e outra. O sol visita-nos algumas vezes durante a semana... mas pouco. E ao fim de semana, quando poderiamos sair um pouco mais, o desavergonhado esconde-se fazendo com que apanhe uma molha de cada vez que vou ao hipermercado...

O dia da quimioterapia lá chegou... ia cheia de medo (como já referi). Fez bem o tratamento e só enjoou na volta para casa (o bombeiro andou a fazer rali).

Fiquei os dois primeiros dias com ela em casa. Até que os passou bem. Muito cansada, cheia de sono (o comprimido para o enjoo dá sono), mas nada mais.

Ao terceiro dia é que foi pior. Começaram os vómitos que só pararam no quinto dia. Deitava uma coisa castanha pela boca... horrivel de se ver e ouvir. Não teve paz o fim de semana todo.

Hoje está melhor dos vómitos mas está com um problema de obstipação... outro dos efeitos secundários. Devemos ir às urgências quando eu sair do trabalho.

Esta semana vai falar com a cabeleireira para ir rapar o cabelo. Não quer esperar que ele caia... é melhor assim do que sentir o cabelo às farripas a cair.

Com isto tudo tenho dormido muito pouco e ando bastante cansada. Ainda não fiz as análises pois não tenho tido tempo. Ando com algumas dores na coluna mas é do trabalho doméstico forçado e das idas às compras sozinha (os sacos... os malvados sacos).

O frio também não ajuda... emperra as articulações.

Já estou bastante melhor da paralisia. O pior ainda é o olho que teima em não fechar todo e durante o dia, como não pisca, faz impressão. Tenho de ir ao oftalmologista fazer o teste das cores por causa do plaquinol. Mas tudo adiado.

 

Continuamos a preparar o natal. Eles lá em casa festejam o natal e eu o Yule, que calha no solsticio do inverno. Altura em que nasce o Deus Sol porque a partir dessa data os dias começam a ser maiores (muito pouco... só a partir da primavera é que se nota mais). Nessa altura faz-se a árvore enfeitada com maçãs (que eram a colheita da altura) e trocavam-se prendas que eram as colheitas que cada um tinha a mais e que oferecia ao vizinho.

Por isso é que eu faço a árvore, com bolinhas vermelhas e maçãs de plástico, e eles fazem o presépio que é da religião deles.

 

Um beijo enorme e obrigada pelo vosso carinho e apoio.

 

publicado por lytha às 15:58
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Borboleta_A a 15 de Dezembro de 2008 às 21:15
Um abraço de sol, que tudo continue a correr pelo melhor. Beijinhos


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Férias

. Olá

. Snow

. Resultados....

. Na mesma.... como a lesma...

. A incerteza....

. Borboleta

. Novo Ano

. Feliz Natal/Yule

. Vacina da Gripe A

.arquivos

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.links

.Twitter

blogs SAPO

.subscrever feeds